CÂMARA


CÂMARA MUNICIPAL DE ELISIÁRIO
Rua Benedito Borges da Silveira, 370 - Centro
CEP: 15823-000
Fone: (17) 3529-1223
Email: c.e@camaraelisiario.com.br

MESA DIRETORA DA CÂMARA (2017/2018)
Presidente: Olímpio Alberto Guandalini
Vice-presidente: Adimar Alves de Moraes
1º Secretário: João Roberto Boldarim
2ª Secretária: Tânia Aparecida Felipe

O DISTRITO DE ELISIÁRIO TEM PARTICIPAÇÃO ATIVA NA CÂMARA DE CATANDUVA
Em 1945, foi deposto o governo ditatorial e os ideais democráticos ressurgem, retomando-se o caminho constitucional. O municipalismo ganhou corpo com a Constituição de 1946. Assim ficou assegurada a autonomia política administrativa e financeira do município, pela eleição do prefeito e dos vereadores. Todavia, a partir de 1950, o distrito de Elisiário, teve notável representatividade política, na Câmara Municipal de Catanduva. Aliás, com destaque, para o vereador Benedito Borges da Silveira, que pela sua magnitude de caráter e a sublime volição de prestar ajuda aos seus semelhantes, ligado a extraordinária facilidade de comunicação com as pessoas, tornou-se grande amigo de toda a população, tanto que em 1950, na época das eleições municipais, foi apoiado por numerosas e tradicionais famílias elisiarenses, e indicado para concorrer as eleições como candidato à vereador, para representar o distrito de Elisiário, na edilidade catanduvense. O senhor Benedito Borges da Silveira, veio para Elisiário ainda criança, no ano de 1924, junto com seus familiares, da cidade de Dobrada/SP, onde nasceu a 17 de maio de 1913. Aqui cresceu trabalhando como lavrador junto com irmãos e o pai, que era pequeno agricultor proprietário. Em 1940, após contrair matrimônio com Dona Terezinha Carlos Borges, foi morar e trabalhar na zona rural como arrendatário, em outro município, onde dedicou se a cultura de algodão e cereais. Em 1946, retornou à vila Elisiário, vindo a ser proprietário rural comerciante de gado bovino. Feito candidato para disputar as eleições de 1950, coube a ele à arregimentar a população volante do distrito (que era insuficiente para eleger um vereador) e proporcionar meios para o cadastramento dos que preenchiam os requisitos legais da Lei eleitoral, aliás encontrando neste trabalho muitos obstáculos, haja visto que, muito cidadãos não tinham sequer registro de nascimento. Foi um trabalho árduo, mas como muita prudência e bom senso, ele conseguiu alistar perto de quinhentos eleitores. Eleito vereador para cumprir mandato legislativo de 1951-1954, juntamente com outro elisiarense que também fora eleito vereador, embora em partido político divergente, senhor Elso Calegari (que não cumpriu mandato por discordância política em seu partido). O vereador Benedito Borges, que tinha como prioridade de seu mandato o desenvolvimento das estruturas sociais e políticas do distrito, principalmente ao que se refere à saúde e educação, trouxe para Elisiário entre outros, o maior beneficio a comunidade distrital elisiarense, que foi a construção do prédio à Rua 2 nº 504, onde instalou o Posto de Assistência Medico Sanitário, que além de atender consultas e pronto-socorros, tinha também como prioridade, o  combate intensivo as doenças transmissíveis, vacinação geral contra determinados microorganismos patogênicos, exames laboratoriais, (esses os pacientes eram encaminhados para o hospital Padre Albino em Catanduva) distribuição de anti-helmínticos, pulverização com inseticidas nas moradias urbanas e rural, conscientização do uso da água potável filtrada, tratamento das cisternas de captação com cal virgem e adição de peixes larvicidas, procedimentos  obrigatório da limpeza dos quintais e destruição de recipientes sujeitos à acumulo de água, distribuição de leite em pó para mulheres gestantes, e crianças carentes, e medicamentos ao povo carente em geral. O senhor Benedito Borges da Silveira, foi em seu segundo mandato legislativo (1955-1958) o vereador mais votado no município de Catanduva, Presidente da Câmara de 1955-1956, incorporando juntamente com seu mandato legislativo, o cargo de Subprefeito de Elisiário. Fez grande amizade com o povo em geral da cidade de Catanduva, foi o vereador mais votado no então distrito de Elisiário, que, diga-se de passagem, somente superado após 37 anos, por outro político com idênticas qualidades, mas desta vez ao cargo de 1º Prefeito do Município de Elisiário. Foi à seu pedido, feito o usucapião do terreno de manobras da antiga estrada de ferro São Paulo - Mato Grosso, que estava abandonado para expansão, e o respectivo loteamento para construção de moradias, sendo uma parte, permutado com o senhor Antônio Carlos de Arruda Botelho, com uma quadra de mais ou menos 5.000 m² de terras junto ao Cemitério Municipal, para expansão deste. Esse político deu muito de si, por amor a Elisiário, sem receber nenhuma remuneração pelo seu trabalho. Infelizmente, não cumpriu totalmente o seu segundo mandato legislativo, pois falecera subitamente aos 8 de junho de 1958. A sua pessoa é homenageado com seu nome na principal Rua de Elisiário e na Escola Estadual de Primeiro e Segundo Grau. Na seqüência das eleições enquanto distrito, outros cidadãos elisiarenses, representaram Elisiário junto a Câmara Municipal de Catanduva, que foram os senhores Eugenio Grandis, Antônio Fernandes Leão, Hamilton de Carvalho, Euclides Furlan e Agenor Victorino Borghi. Com a emancipação do município, no dia 3 de outubro de 1992, com as eleições municipais a nível nacional, foram eleitos, os primeiros mandatários do município, para o período de 1993 a 1996.

EXECUTIVOS
Filipe Salles Oliveira – Prefeito Municipal
Inivaldo Aparecido Meneguesso – Vice-prefeito
CÂMARA DOS VEREADORES
Gilson Gil – Presidente da Câmara – (1993-1994)
João de Paulo – Presidente da Câmara – (1995-1996)
Antônio Pauloni, Joaquim Fernandes de Souza, Joaquim Fernandes Chaves Neto, Pedro Bonezzi Fernandes, Sebastião de Oliveira Rocha, Olímpio Alberto Guandalini e Claudecir Bega.
ASSEMBLEIA CONSTITUINTE MUNICIPAL
Gilson Gil – Presidente da Assembleia Municipal Constituinte
Olímpio Alberto Guandalini – Vice-presidente
Claudecir Bega – 1º Secretário
Joaquim Fernandes de Souza – 2º Secretário
COMISSÃO DE SISTEMATIZAÇÃO
João de Paulo – Presidente
Pedro Bonezzi Fernandes – Vice-presidente
Joaquim Fernandes Chaves Neto – Relator
COMISSÃO DO PODER LEGISLATIVO
Olímpio Alberto Guandalini – Presidente
Sebastião de Oliveira Rocha – Vice-presidente
Antônio Pauloni – Relator
COMISSÃO DO PODER EXECUTIVO E DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA
Antônio Pauloni – Presidente
João de Paulo – Vice-presidente
Pedro Bonezzi Fernandes – Relator
COMISSÃO DE FINANÇAS E ORÇAMENTOS
Joaquim Fernandes de Souza – Presidente
Olímpio Alberto Guandalini – Vice-Presidente
Pedro Bonezzi Fernandes – Relator
ASSESSORIA
José Luís Pickarte e Wilson José Borghi.