HISTÓRICO


A ORIGEM
A origem de Palestina está quase toda consignada em Atas das reuniões, que na época foram feitas por moradores da região, sempre sob a presidência de Valentim Álvarez Martins, considerado fundador da cidade.

FUNDAÇÃO DO POVOADO
Consta, pois, daqueles documentos que a fundação deu-se a 01 de janeiro de 1922, quando, em casa do senhor Egydio Zaccaro, na fazenda Piau, ficou resolvida a constituição de um patrimônio sob a denominação de SÃO JOÃO DA PALESTINA. Seguiram-se várias reuniões e, numa das quais, o senhor Valentim Alvarez, anunciou sua disposição de doar parte de sua propriedade ao patrimônio, reservando um quarteirão para que se construísse a Igreja em louvor a São João Baptista. O patrimônio constituído ficava situado entre as cabeceiras das fazendas: Canoas, Jardim e Piau, onde se formou o pequeno povoado.

CRIAÇÃO DO DISTRITO
Em 22 de dezembro de 1927, através do Decreto Lei Estadual nº 2236, o povoado de Palestina, foi elevado à categoria de Distrito, pertencente ao município de Nova Granada.

CRIAÇÃO E EMANCIPAÇÃO DO MUNICÍPIO

Em 23 de dezembro de 1936, através do Decreto Lei estadual nº 2782, o Distrito é elevado à categoria de Município, com a denominação de Palestina, desmembrando se do município de Nova Granada. Sua instalação verificou se em30 de maio de1937.

FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA
Constituído de quatro Distritos: Palestina, Boturuna, Duplo Céu e Jurupeba. No quadro anexo ao Decreto Lei Estadual nº 9073, de 31 de março de 1938, o município de Palestina figura exatamente como em 1937. No quadro fixado, pelo Decreto Estadual nº 9775, de 30 de novembro de 1938, para 1939/1943, o município de Palestina é composto de quatro Distritos: Palestina, Boturuna, Duplo Céu e Jurupeba, e pertence ao termo e comarca de Nova Granada. Em virtude do Decreto Lei Estadual nº 14334, de 30 de novembro de 1944, que fixou o quadro territorial para vigorar em 1945/1948, o município de Palestina ficou composto dos Distritos de Palestina, Boturuna, Duplo Céu e Jurupeba, e pertence ao termo e comarca de Nova Granada. Nos quadros fixados pelas Leis Estaduais nº 233, de 24 de dezembro de 1948, e a Lei nº 2456, de 30 de dezembro de 1953, o município figura com três Distritos: Palestina, Duplo Céu, Jurubeba e Boturuna. Através da Lei Estadual nº 5285, de 18 de fevereiro de 1959, o Distrito de Boturuna foi extinto, sendo seu território anexado ao Distrito de Palestina. Em divisão territorial datada de 01/07/1960, o município é constituído de três Distritos: Palestina, Duplo Céu e Jurupeba. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15/07/1999.
 
ORIGEM DO NOME
O nome Palestina, foi dado por colonos de origem Turca ou Palestina, que aqui vieram residir no início da povoação. Denominação Anterior: Nova Palestina.
Gentílico: Palestinense


GALERIA DE PREFEITOS

JOSÉ GOMES DE FARIA30/05/1937 à 02/12/1938
ABRAHÃO SCAFF03/12/1938 à 14/07/1945
JORGE ANTÔNIO NASSER15/07/1945 à 20/03/1947
LABIENO TEIXEIRA MENDONÇA23/03/1947 à 20/06/1947
RUBENS PIMENTEL SCAFF20/06/1947 à 31/12/1947
FLAUZINO SILVÉRIO TOLEDO01/01/1948 à 31/12/1951
BENTO MIGUEL GOMES FERRAZ01/01/1952 à 31/12/1955
CAETANO GARBIM01/01/1956 à 31/12/1959
BENTO MIGUEL GOMES FERRAZ01/01/1960 à 31/12/1963
OSVALDO SÔNEGO01/01/1964 à 31/01/1969
FRANCISCO CARVALHO FILHO01/02/1969 à 31/01/1973
VANDERLICE VIERIA JAYME01/02/1973 à 31/01/1977
SILVIO MARTELLO01/02/1977 à 31/01/1983
SIRVAL CAMPANHA01/02/1983 à 31/12/1988
WALTER PEREIRA DE SOUZA01/01/1989 à 31/12/1992
ANGELO FERNANDES01/01/1993 à 31/12/1996
WALTER PEREIRA DE SOUZA01/01/1997 à 31/12/2000
UGILTON CESAR DE MORAES GARCIA01/01/2001 à 31/01/2004
UGILTON CESAR DE MORAES GARCIA01/01/2005 à 31/12/2008
NICANOR NOGUEIRA BRANCO01/01/2009 à 31/12/2012
FERNANDO LUIZ SEMEDO01/01/2013 à 31/12/2016
FERNANDO LUIZ SEMEDO01/01/2017 à 31/12/2020

OBS.: O Sr. JOSÉ GOMES DE FARIA, foi o primeiro Prefeito de Palestina.