HISTÓRICO


A ORIGEM
Em 1923, em terras da família Souza Queiroz, o senhor João Sereno construiu, à margem da estrada que ligava Marília a Garça, uma casa de madeira para ponto de parada das jardineiras.

FUNDAÇÃO DO POVOADO
Aos poucos novos estabelecimentos comerciais foram construídos, delineando o pequeno povoado de Vera Cruz. Por volta de 1926, a Companhia Paulista de Estradas de Ferro começou a avançar seus trilhos em direção a Marília, passando pela povoação, época em que foi elaborado um plano para implantação da cidade, cuja venda das datas ficou a cargo de Pompeu de Souza Queiroz e Luiz Antônio de Souza Queiroz.

ORIGEM DO NOME
Passados dois anos, foi inaugurada a Estação Ferroviária local, entre Jafa e Lácio, que a ferrovia denominou de KENTUCKY, seguindo a ordem alfabética que adotara. Por ser o nome VERA CRUZ bastante difundido, a população local reivindicou a manutenção deste, sendo atendido pela Ferrovia. A partir da Estação, Vera Cruz teve grande afluência de pessoas de diversas partes do Estado, que se dedicaram ao plantio de café.

CRIAÇÃO DO DISTRITO
Em 13 de dezembro de 1929, através do Decreto Lei Estadual nº 2388, o povoado foi elevado à categoria de Distrito, com a denominação de Vera Cruz, pertencente ao município de Marília. Em 30 de novembro de 1938, através do Decreto Lei Estadual nº 9775, o Distrito de Vera Cruz perdeu parte de seu território para o novo Distrito de Santa Inez, pertencente ao mesmo município de Vera Cruz.

CRIAÇÃO E EMANCIPAÇÃO DO MUNICÍPIO
Em 10 de dezembro de 1934, através do Decreto Lei Estadual nº 6855, o Distrito é elevado à categoria de Município, com a denominação de Vera Cruz, desmembrado do município de Marília.
Gentílico: Vera-cruzense

GALERIA DE PREFEITOS

RENATA ZOMPERO DIAS DEVITO01/01/2017 à 31/12/2020

GALERIA EM CONSTRUÇÃO...